Campanha Salarial: Sindisaúde e ASERGHC protestam em frente ao Conceição

Na quarta-feira (9) representantes do Sindisaúde – RS e ASERGHC protestaram em frente ao Hospital Nossa Senhora da Conceição. O ato começou às 6h15 da manhã, como parte da campanha por recomposição salarial para os trabalhadores que compõem as categorias da saúde.
Na retomada da negociação salarial em novembro, o SINDIHOSPA, que representa a diretoria dos hospitais e clínicas de Porto Alegre, ofereceu reajuste zero para as entidades sindicais. Os protestos já aconteceram no Hospital de Clínicas de Porto Alegre, no São Lucas e no Divina Providência. Hoje, os representantes sindicais se manifestaram na avenida Francisco Trein, na área de acesso ao Hospital Conceição, distribuindo uma carta aberta à população gaúcha usuária do GHC e aos profissionais da saúde.
No GHC, mais de 2 mil trabalhadores já positivaram para o coronavírus. Mesmo com o alto índice de contaminação, a assistência para a população infectada da capital e região metropolitana nunca parou. O Grupo, 100% SUS, é referência no combate à pandemia no RS. No entanto, os trabalhadores sofrem com a falta de atendimento para que suspeita de contaminação e para quem já foi positivado, além da desvalorização salarial e perda de direitos históricos. Hoje fomos às ruas para exigir recomposição salarial digna e respeito, pois os aplausos já não bastam.
porno izle porno izle sikiş izle sex izle rus pornosu porno filimi Porno hikayeleri ücretsiz oyun hesapları 2021 oyun hileleri bedeva oyun hesapları bedava bilgi diyarbakır reklam diyarbakır matbaa